Parte da calçada da Rua Rui Barbosa no Centro de Araranguá desmoronou na manhã deste domingo, 19. Até uma árvore que fazia parte da mata ciliar foi engolida pelo rio. A Polícia Militar foi chamada para averiguar a situação. A Defesa Civil também foi acionada para ir no local.

O local já é conhecido pela erosão que corrói o barranco. Uma placa de sinalização adverte que veículos acima de 10 toneladas não podem trafegar no local, o que não acontece segundo os próprios usuários da via.

“Isso já era previsto. Sempre ando de bicicleta por aqui. Também faço remada no Rio Araranguá. Observo sempre caminhões pesados passando na rua”, revela Ângelo Fernandes, de 60 anos.

O aposentado Almir Epitácio da Silva, de 82 anos, mora no bairro Barranca e passa de bicicleta quase sempre. Ele lembra que o problema é histórico.

“Essa erosão já existe desde 1967 ainda na gestão do então prefeito Osmar Nunes. O poder público fez pouco, ou quase nada, para resolver o impasse” lembra.

A orientação da PM é que os moradores e usuários da via evitem transitar pela calçada e pela estrada. A pista deve ser interditada parcialmente ainda neste domingo.

Tentamos contato com o secretário de Obras, Viação e Serviços Urbanos de Araranguá, mas o telefone estava desligado.