A ex namorada de um médico de Araranguá efetuou três disparos com um revólver calibre 22. Segundo informações de vizinhos, por volta das 23h50 desta quinta-feira, 11, uma discussão antecedeu os tiros na frente da casa do profissional de saúde, localizada na Lagoa da Serra. Após atirar, a autora saiu de carro, mas foi abordada logo em seguida pela PM.

Segundo a polícia, a mulher não possuí porte para uso de arma de fogo. Ela foi presa em encaminhada para a Central de Polícia. O médico também será chamado para depor como testemunha. A residência do profissional de saúde possui câmeras de segurança que poderão ajudar a entender o caso.

Ninguém ficou ferido.