Nesta segunda-feira, 7, o Grupo W3 publicou uma matéria dando o parecer da Polícia Civil sobre uma suposta tentativa de roubo de crianças em Balneário Arroio do Silva. Em entrevista o delegado Jair Pereira Duarte afirmou não haver nenhum boletim de ocorrência sobre o caso.

Após a repercussão da notícia em nosso portal, a redação conseguiu entrar em contato com a mãe da criança que sofreu a tentativa do roubo. Segundo Cárica Barbosa Gava, o crime aconteceu, mas o boletim havia sido registrado pela Polícia Militar. “O que aconteceu foi um erro de informação, em nenhum momento fui alertada que o boletim de ocorrência registrado na Polícia Militar não iria para a Polícia Civil de imediato. A imagem compartilhada que falava sobre o roubo não foi feita por mim, mas sim por uma vizinha minha. E sobre a existência de outros roubos eu não sei, mas o meu aconteceu”, destaca.

Cárica informou que foi até a delegacia e registrou o acontecido pela Polícia Civil.

O fato

A tentativa de roubo aconteceu na última quinta-feira, 3, por volta das 11h da manhã no bairro Erechim. A criança de um ano e nove meses foi salva pela mãe. Eu não consegui ver o rosto, eu só sei que era um homem alto, magro e de camiseta preta. A minha única preocupação era correr e salvar minha filha que estava na janela e o homem esperando ela de braços abertos no lado de fora”, finaliza.