A Polícia Militar retirou de circulação mais uma arma de uso restrito. Desta vez, foi apreendida uma pistola Israelense .9mm com carregador e 17 munições, na posse de um homem com passagens policias e que estava com mandado de prisão.

O fato aconteceu por volta das 05h50min da madrugada deste domingo dia 30, quando a Polícia Militar de Balneário Arroio do Silva foi acionada para verificar uma pessoa que estaria pedindo socorro.

No deslocamento, uma guarnição da PM ao passar pela Rua Tubarão, próximo a APAE, visualizou um homem em atitude suspeita que, ao perceber a aproximação da viatura, colocou a mão na cintura, virou e correu. Na fuga, os policiais presenciaram o momento em que o suspeito jogou uma arma para o pátio de uma residência.

Enquanto o homem era abordado e detido por uma guarnição, a outra realizou buscas e no pátio da casa apreendeu uma pistola Israelense .9mm com carregador e 17 munições. A arma que é de uso restrito ainda estava com a numeração raspada.

O jovem de 20 anos recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a DPMU do Arroio para que os procedimentos cabíveis fossem tomados, sendo ele autuado pelo delegado plantonista pelo crime de porte ilegal de arma e munição de uso restrito.

Conforme apurado, esse jovem havia sido detido pela Polícia Militar no último dia 26, também em Balneário Arroio do Silva. Naquela ocasião ele estava em posse de uma munição de calibre .9mm e ainda era considerado foragido do sistema prisional de Tubarão e que por falta de vagas no Presídio Regional de Araranguá no dia 26, foi liberado.

O preso estava foragido há quatro meses do presídio de Tubarão e segundo consta, ele cumpria pena pelo crime de roubo, sendo beneficiado com a tornozeleira eletrônica para cumprir a pena em casa, entretanto, o criminoso arrebentou a tornozeleira e fugiu.