Sentou no banco dos réus, nesta terça-feira, dia 10, no Fórum de Araranguá, Marcelo Marques Lourenço de 27 anos, acusado de duplo homicídio. Marcelo, no dia 02 de agosto de 2016, atirou e matou Rodrigo Emídio Machado de 24 anos, conhecido como “Cinzento” e Leonardo da Silveira de 21 anos, crime ocorrido por volta das 11 horas na Operária, em Araranguá.

Marcelo foi preso em flagrante e na época, segundo relatos das autoridades policiais, ele teria atirado aproximadamente 14 vezes contra as vítimas, usando uma pistola .9mm, arma de uso restrito. Ainda na época do duplo homicídio, Marcelo já era condenado há 22 anos por um outro crime de homicídio.

O Júri Popular iniciou na manhã de hoje e se estendeu até por volta das 18h30min, quando saiu a sentença, sendo o réu condenado há 21 anos e quatro meses de prisão, em regime inicialmente fechado, por duplo homicídio simples, sendo que os jurados não acataram a tese de legítima defesa.

Fonte: Diogo CCR