O mês de julho foi marcado por um homicídio em Araranguá. O crime aconteceu por volta das 03 horas da madrugada deste sábado, dia 08, na Rua das Camélias, esquina com Avenida Getúlio Vargas, no bairro Jardim das Avenidas.

Segundo relatos de testemunhas, a vítima estava em um bar localizado na Getúlio, bebendo com parentes e amigos quando saiu na lateral da rua para urinária. Minutos depois, as demais pessoas que estavam no bar ouviram entre quatro e seis disparos de arma de fogo e ao se deslocaram para a esquina, visualizaram a vítima correndo em direção a uma lavação, quando caiu no meio da estrada.

Testemunhas contaram ainda terem visto na rua onde o crime ocorreu, dois homens em uma motocicleta fugindo em direção ao interior do bairro Jardim das Avenidas. Amigos e parentes relataram à polícia que antes de ser morto, enquanto Jonathan Honório da Silva de 34 anos estava no referido bar, passou por mais de uma vez, um homem que vestia capuz e que ficou o encarando.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para prestar os primeiros socorros, entretanto Jonathan, que é casado e morador do bairro Coloninha, já estava em óbito. A Polícia Militar isolou a área até a chegada da Polícia Civil, Instituto Médico Legal (IML) e Instituto Geral de Perícia (IGP).

No local do crime, a perícia constatou que Jonathan foi alvejado com três disparos de arma de fogo pelas costas. Como uma varredura foi feita no local e não foram encontradas cápsulas, a polícia acredita que a arma usada no crime tenha sido um revólver. O corpo foi recolhido pelo Instituto Médico Legal onde passou por necropsia.

A Polícia Civil passa agora a investigar este homicídio para chegar na motivação e autoria.

Fonte: Diogo CCR