Na tarde de terça-feira, agentes da Polícia Civil da DIC de Araranguá, coordenados pelo delegado Lucas Fernandes da Rosa, realizaram uma investida policial na Vila Samaria, popularmente conhecida como “Buraco Quente”, no centro da cidade.

Conforme o delegado Lucas, coordenador da Divisão de Investigação Criminal, há alguns dias a polícia vinha investigando o local, pois chegou a informação de que algumas pessoas voltaram a realizar o tráfico de drogas naquele local. “Tínhamos a informação de que na noite de, segunda-feira, uma quantidade significativa de crack havia sido entregue a um homem para ser feita a comercialização do entorpecente. Na tarde de terça-feira, fomos informados pela Polícia Militar de que a movimentação na casa investigada estava a “todo vapor” e por isso realizamos a investida”, ponderou a autoridade policial que comandou os trabalhos.

Diante das denúncias os policiais civis investiram na tarde de terça-feira, na casa investigada de propriedade de João Carlos Cordeiro dos Santos. Durante as buscas os policiais encontraram e apreenderam 120 pedras de crack prontas e embaladas para a comercialização, aproximadamente R$ 500 em diversas notas.

Ainda segundo o delegado, durante os trabalhos de buscas, policiais militares estiveram presentes, prestando auxílio à Polícia Civil.

João Carlos foi preso em flagrante acusado do crime de tráfico de drogas e foi encaminhado para a Central de Plantão Policial para que os procedimentos cabíveis fossem tomados.

Fonte: Diogo CCR