Dando continuidade aos trabalhos de investigação acerca do latrocínio que vitimou o taxista Vagner Mendes Júnior, ocorrido na noite do último sábado, que nesta manhã de quinta-feira (25), o delegado Jorge Giraldi, coordenador da DIC voltou no local onde o taxista foi executado, na localidade de Fundo Grande, próximo ao bairro Polícia Rodoviária em Araranguá.

No início da madrugada desta quinta-feira, um adolescente infrator apreendido por crime análogo a roubo, confessou o latrocínio e ainda contou que para cortar o pescoço da vítima, usou um canivete, o qual teria sido deixado no local.

Nesta manhã o delegado e sua equipe voltou ao local onde o corpo foi encontrado e, nas proximidades localizou e apreendeu um canivete, o qual pode ser o mesmo utilizado no latrocínio. A arma branca agora será periciada.