A Polícia Civil de Santa Catarina integrou desde as primeiras horas desta quarta-feira, 24, a Operação #PC27 deflagrada para cumprimento de mandados de prisão e de busca e apreensão em todo o País. A operação foi coordenada pelo CONCPC (Conselho Nacional de Chefes de Polícia Civil) como forma de promover e integrar o Sistema Único Segurança Pública, coordenado pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública.

O nome Operação #PC27 é uma referência à união e padronização de atuação de todas as Polícias Civis do Brasil. Em Santa Catarina, para a #PC27 foram mobilizados 731 policiais civis e 239 viaturas. Foram cumpridos 132 mandados de busca e apreensão, com 20 armas de fogo apreendidas.

No total, foram presas 181 pessoas – 107 com sentença condenatória, 52 preventivamente, duas temporárias e 20 em flagrante–, nove adolescentes apreendidos, sendo dois com decisão definitiva, seis provisoriamente e um em flagrante.

Em Florianópolis, numa ação da Decod (Delegacia de Combate às Drogas), foram apreendidos diversos aparelhos celulares, notebook, um artefato explosivo e aproximadamente R$ 200 mil.

“Consideramos a operação um sucesso e uma demonstração de que a Polícia Civil está cumprindo com a sua missão que é a repressão e o cumprimento das normais judiciais”, destacou o delegado-geral Paulo Norberto Koerich.

O CONCPC tem neste plano, como objetivo principal, o planejamento e emprego de efetivo policial, na área de atuação de cada UF, visando o combate aos mais diversos delitos que assolam a sociedade brasileira, procurando reestabelecer a normalidade e contribuir para a diminuição da criminalidade e do crime organizado.

Fonte: Polícia Civil / SSP - SC