A equipe da Associação Irmã Carmen (Casa-Lar) jogou no último sábado, dia 5, com o Figueirense, pela 5ª rodada do Campeonato Catarinense Infantil – Etapa Litoral. O time araranguaense fez uma boa partida, porém não conseguiu um resultado positivo e perdeu para o time da capital do Estado.

Segundo o técnico da Casa-Lar, Deivid Fernandes, mais conhecido por Bolinho, o time começou marcando a saída de bola do adversário, o que dificultou as jogadas. “Marcamos na intermediária o adversário, onde tínhamos posse de bola no setor defensivo, porém com pouco espaço no meio eles não conseguiram criar jogadas ofensivas”, explicou.

Aos 12 minutos de jogo o árbitro não marcou pênalti para a Casa-Lar. “O lateral entrou com velocidade dentro da área e foi derrubado, um pênalti claro, mas que o juiz não marcou”, relatou o técnico.

O jogo seguiu bastante equilibrado, com movimentação dos dois lados, porém aos 18 minutos de jogo o Figueirense conseguiu em uma infelicidade do zagueiro da Casa-Lar abrir o placar. “Em uma jogada de fora da área a bola desviou no nosso zagueiro e mesmo em velocidade fraca o goleiro acabou escorregando e não conseguiu fazer a defesa”, contou Bolinho. O primeiro tempo encerrou em 1 x 0.

A equipe araranguaense voltou para o segundo tempo motivada em buscar o empate e seguiu jogando ofensivamente, e logo no início teve uma boa oportunidade de gol, mas o arqueiro do Figueirense conseguiu salvar.  As duas equipes seguiram a mesma tática do primeiro tempo e ambas tiveram boas oportunidades, porém sem êxito. Já aos 35 minutos de pênalti o Figueirense converteu e fechou o placar em 2 x 0.

Dia 15

O próximo jogo da Casa-Lar acontece na terça-feira, dia 15, às 15 horas, no Complexo Esportivo da Casa-Lar, onde enfrentará o Imbituba.

A competição

A 1ª Fase (Inicial) será disputada por todas as associações que serão divididas em dois grupos e que jogarão entre si, somente dentro do próprio grupo, em turno único, classificando-se para a 2ª Fase (Quadrangulares), as 4 primeiras colocadas de cada grupo.

*FOTOS: Mano Guimarães/ARTV

Reportagem: Carla Costa- Especial W3