Em um passado não tão distante, o terreno baldio localizado na esquina entre as Avenidas Coronel João Fernandes e Capitão Pedro Fernandes, reinava um valo a céu aberto. No entanto, a realidade deste espaço tende a mudar nos próximos meses. Isso porque em solenidade realizada no gabinete do diretor do Samae nesta segunda-feira, dia 31, o prefeito Sandro Maciel autorizou o início das obras da futura Praça das Águas.

O espaço, que pertencia à União, será literalmente transformado. De acordo com o projeto, a praça vai contar com academia ao ar livre, chafariz, mesas para jogar xadrez, espelho d’água, playground e diversas áreas verdes, sendo um complemento a pista de skate, que já existe no local. A obra custará R$ 1.085 mi, sendo os recursos provenientes do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto – Samae.

Conforme o diretor Everson Casagrande, o Polaco, o Samae vai aproveitar que está ampliando o espaço de lazer da sua sede, para presentear a população. “Vamos aproveitar a revitalização para presentear a comunidade com uma bela praça,” pontuou Polaco.

Já o prefeito Sandro Maciel destacou que o principal objetivo de sua administração é transformar Araranguá em uma cidade sustentável. “No nosso projeto de sustentabilidade, um dos objetivos é fazer muitas praças, para dar vida à cidade. E desde que assumimos, este será o quarto espaço de lazer que vamos entregar à comunidade,” ressaltou Sandro.

A empresa Engetom irá conduzir a obra, que terá prazo de nove meses para ser finalizada. Ao todo, o novo espaço de lazer contará com 1.000 m².

Reportagem e fotos: Felipe Balthazar