A 24ª Festa do Peixe não é movida apenas pelo peixe, propriamente dito. Uma bebida pouco conhecida do grande público, e fabricada no próprio Arroio do Silva, tem chamado à atenção de quem passa pela ala das tendas. A caipirinha de mel agrada pelo sabor doce, aliado ao gosto quente da cachaça.

E quem produz essa iguaria, é o apicultor Gladstone da Silva, o famoso Toni do Mel. De forma gratuita, ele oferece a quem passa por sua tenda, um delicioso copinho de cachacinha de mel. O tira gosto é apenas uma prova para o mundo de variedades que o mel proporciona, principalmente pelas mãos do apicultor, que trabalha há 30 anos no ramo.

E o simples gesto de oferecer uma cachacinha aos participantes da Festa do Peixe não é bem uma novidade. Toni conta como começou esta atividade, que já é uma tradição.

“Tudo começou na edição da Festa de 1996, quando em uma noite fria, eu e outros apicultores tivemos a ideia de fazer uma cachaça de mel, para esquentar o povo. A ideia foi se consolidando nos anos seguintes, e eu a aperfeiçoei,” relembrou.

Famoso pelo apiário, e pelo mel de qualidade que produz, Toni do Mel vende versões da cachaça, na forma pura e na forma de caipirinha. Quem experimentou não se arrependeu.

“É bem diferente o gosto, não é muito forte e é bem agradável de tomar. Resumindo, é muito bom,” elogiou nada menos do que a 2ª princesa da Festa, Jéssica Marcon.

Quem também provou a novidade, e aprovou foi a Rainha Bruna Weiss. “Nunca tinha experimentado algo assim. Para quem gosta de mel, é uma novidade bem-vinda,” ressaltou.

Você não visitou a 24ª Festa do Peixe ainda? Então não deixe de conferir este evento que já é tradição na região.