Após algumas horas de espera, os familiares dos três jovens que faleceram na madrugada desta segunda-feira tiveram acesso à informação da causa-morte. Segundo o Instituto Médico Legal de Araranguá, as três vítimas tiveram traumatismo crânio encefálico grave.

Conforme o IML, as vítimas tiveram ainda outras lesões, mas  só serão divulgadas no laudo oficial que só deve ser emitido em 10 dias. Os corpos foram liberados por volta das 15 horas para as famílias, que já preparam os velórios.

Thales e Murilo serão velados na capela mortuária de Balneário Arroio do Silva. Já André será velado na capela mortuária do cemitério Jardim da Paz, em Araranguá.

Seguem no hospital

Já os outros dois ocupantes do veículo, S.S.M, 22 anos, e uma adolescente de 15 anos permanecem internados no Hospital Regional de Araranguá. A reportagem entrou em contato com o pai de S. e a expectativa é de que o jovem seja liberado nesta terça-feira, 27.

Relembre o caso

A semana iniciou trágica na região do Extremo Sul Catarinense. Logo nas primeiras horas desta segunda-feira, 26, um acidente tirou a vida de três jovens. André Francisco Alves, Thales da Silva Oliveira e Murilo Florêncio, estavam no Fiat Uno, placas de Araranguá, com mais dois jovens, um rapaz de 22 anos e uma adolescente de 15 anos, que, segundo a Polícia Rodoviária Estadual, bateu em um poste de energia elétrica. André e Murilo faleceram na hora, já os demais, foram encaminhados para o Hospital Regional de Araranguá. Horas depois, por volta das 5h da manhã, Thales também veio a óbito.

*Reportagem: Maiara Possamai