Tempo é dinheiro. No último sábado, 13, a Celesc (Centrais Elétricas de Santa Catarina) colocou em prática uma manutenção planejada, na avenida Sete de Setembro, no Centro de Araranguá, e cortou a luz por 23 minutos das lojas Koerich e Salfer, em pleno Dia + Açoriano.

A medida irritou os gerentes das duas lojas, que tentaram negociar outro horário para a manutenção ser feita, pedido não atendido pelos técnicos da empresa de energia. “Neste período (Sábado +) é o melhor dia do mês. O pessoal vem fazer uma manutenção da rede no período que as lojas estão abertas, em que o cliente paga conta, compra. Isso gera prejuízo para a loja, para o consumidor e para todo mundo”, declarou o gerente da loja Koerich, Rander Luis Ferreira.

O gerente definiu a situação com o descaso. “Isso é um descaso, pois eles sabem que tem o segundo sábado do mês, que é o sábado mais, e porque foram fazer manutenção neste período? Se pode ser feita todo dia, depois das cinco”, lembrou Rander.

O imprevisto, conforme o gerente da loja Salfer, Robson Macari, ocorreu entre 14h30 e 14h53, horário de movimento nas lojas. “Tinha diversos clientes aqui dentro, inclusive perdemos vendas em virtude da falta de energia”, contou.

Robson cobrou melhor planejamento da instituição pública. “Para isso existe uma CDL, para ninguém chegar e simplesmente cortar a energia. Eles estão fazendo o trabalho deles, e nós estamos fazendo o nosso”, concluiu.

Reportagem: Felipe Balthazar