Deste programa fazem parte os projetos Ronda Escolar, Ronda Comercial, Ronda Bancária, Ronda Penal e Ronda Residencial.

Reformulado em 2014, os projetos Ronda Comercial e Ronda Bancária vem chamando a atenção dos envolvidos, pelos excelentes resultados obtidos.

No mês de março, foram convidados 21estabelecimentos comerciais da cidade a participarem de uma reunião marcada pela Polícia Militar. Nesta, foi apresentado, pelo Tenente Alberto Cardoso Cichella, o programa Rede de Segurança onde está inserida a Ronda Comercial. A partir desta reunião os comércios, escolhidos de forma estratégica pela Polícia Militar para compor o projeto, passaram a receber as rondas especiais da Polícia Militar.

Desde o mês de março, foram realizadas 904 rondas nos estabelecimentos comerciais de Araranguá-SC.

Esse trabalho traz vantagens para os comerciantes e para a segurança pública em três esferas: na prevenção, na aproximação das pessoas que trabalham ou frequentam o ambiente e na resolução de problemas.

Como destaca o proprietário da empresa Luchpel Descartáveis, Dalton Luchtemberg: “O projeto ronda comercial veio para ajudar os comerciantes de modo geral e mesmo antes das visitas dos policiais militares, nós participamos de palestras com orientações de segurança na sede do quartel. Além disso, os policiais militares que visitam nosso estabelecimento nos dão atenção especial e continuam repassando dicas de segurança que foram adotadas, como as grades que colocamos nas janelas por orientação de um soldado. Desde que iniciaram as rondas nosso comércio não sofreu nenhum furto, assalto ou qualquer outra importunação”.

Da mesma forma, a gerente do Posto Frateli, Simone Vieira Lemos afirma:

“Nosso estabelecimento já havia sofrido alguns problemas, como a prática de assaltos. Porém, desde que iniciou o projeto ronda comercial realizado pela Polícia Militar, não tivemos nenhum registro deste tipo de ocorrência. Um dos principais pontos a ser levantados é referente à reforma que estamos fazendo, seguindo as orientações do projeto, a“arquitetura contra o crime”, orientações repassadas durante instrução da PM e dicas de segurança repassadas pelos policiais militares que fazem a ronda, como, por exemplo, o afastamento do caixa, que ficava na porta da frente para os fundos do estabelecimento e o posicionamento dos balcões de forma a facilitar a visibilidade, dificultando qualquer ação criminosa. Ainda foi melhorada a iluminação externa do local. Essa parceria deve continuar”.

Além da Ronda Comercial e da Ronda Escolar, a polícia realiza há vários anos a Ronda Bancária, que tem garantido a segurança física dos clientes e funcionários das agências bancárias da cidade e de toda área vizinha.

O resultado positivo desse trabalho se confirma pela não-ocorrência de roubos a bancos há vários anos na cidade de Araranguá. Esse trabalho é realizado pelo Pelotão de Policiamento Tático – PPT.

            Até a semana passada, já tinham sido realizadas 607 rondas nas 7 agências que participam do programa, na cidade.

Sobre essa parceria, o gerente do Banco do Brasil,Valdir Neumann, ressalta:“Esse programa realizado pela PM faz muita diferença para o nosso trabalho, uma vez que inibe o acompanhamento da rotina dos funcionários e do banco e demonstra para terceiros a parceria que existe entre o banco e a Polícia Militar. Outro ponto muito positivo é que para os clientes há um aumento da sensação de segurança, o que é de extrema importância. É uma parceria que não pode parar”.

Já a analista de crédito da agência Sicoob,Schirlei Teixeira Machado, destaca a importância das rondas realizadas pela Polícia Militar: “Os funcionários estão mais seguros e isso reflete em um atendimento de qualidade, pois os clientes também têm a percepção da presença da PM e sentem-se mais tranquilos. Além disso, a constante visita dos policiais militares inibe a prática de crimes. Não houve nos últimos dois anos nenhum registro de ocorrência policial no banco graças a essa parceria que deve ser constante”.

Por sua vez, o comandante da 1ª Companhia do 19º Batalhão de Polícia Militar, tenente Alberto Cardoso Cichella, responsável direto pela reestruturação das Rondas Comerciais e Bancárias na cidade de Araranguá-SC, relataque “no início do ano ouve uma reunião na CDL de Araranguá em que participaram empresários, comerciantes e órgãos de seguranças pública para tratar de assuntos relacionados aos roubos e furtos que estavam assolando o Vale de Araranguá. A partir desse momento a Polícia Militar, juntamente com o CDL, reestruturou os projetos do Programa Rede de Segurança, inclusive com um treinamento aos profissionais sobre o assunto. Isso fez com que a PM estreitasse a relação com a sociedade comercial e trabalhasse os dados repassados pelos profissionais formando um Rede de informações que, por sua vez, possibilitou a prisão de inúmeros delinquentes e a retirada várias de armas das ruas”.

Informa ainda o tenente Cichella que “o projeto Ronda Comercial vai continuar e não é estanque, vamos estar sempre trabalhando e inovando para fazer frente à criminalidade e manter a paz no Vale de Araranguá”.

O comandante do 19º Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Antônio Carlos Mota Machado, salienta que “a Polícia Militar atua para dar mais segurança a todas as pessoas e isso inclui os clientes e os funcionários do comércio e das agências bancárias da cidade. Nosso foco é proteger a vida e a integridade física dos cidadãos. No que depender da vontade da Polícia Militar,essas pessoas estarão cada vez mais seguras.”

Fonte: Policia Militar