Os alunos da Escola Francisco Hoepers receberam aulas de educação ambiental com ênfase na importância da sustentabilidade. Os professores aprofundaram o tema referente a limitação dos recursos naturais e as consequências, caso não houver mais cuidado com o meio ambiente. Os ensinamentos foram colocados em prática pelas turmas que fizeram a separação correta dos materiais reciclados.

As tampas plásticas das garrafinhas, por exemplo, viraram um tabuleiro de jogo de caça palavras que divertiu as crianças. “A escola pode ser mais um espaço de destino correto do lixo . É importante o envolvimento dos nossos alunos, pais, educadores e funcionários para modificar esta situação e criar novos hábitos favoráveis ao meio ambiente”, disse a secretária de Educação, Sonia Regina Silveira Gonçalves.

A educação ambiental é um processo longo e contínuo, por isso a Secretaria de Educação colocou o projeto em prática em todas as escolas da rede, com os alunos dos anos iniciais. “Formar pessoas mais conscientes de seus atos, preocupados com a vida e com conhecimentos suficientes para compreender o impacto das suas ações neste planeta, também é papel da educação”, resume a educadora, Daiana Candido da Silveira Minatto.

Fonte: Filipe Casagrande