A primeira avistagem desta temporada de uma baleia-franca adulta com registro em vídeo ocorreu na praia do Rosa, em Imbituba. O Instituto Australis também recebeu uma informação sobre a presença de baleia na praia da Gamboa, em Garopaba e em Laguna, próximo à Ilha das Araras, porém não foi possível confirmar a espécie.

A temporada reprodutiva da espécie inicia com a chegada das primeiras baleias, mas a maioria dos animais começam a permanecer nas enseadas a partir da segunda quinzena de julho.

A área é de concentração reprodutiva da espécie no Brasil. No local, é realizado o monitoramento da espécie desde 1982 pelo Instituto Australis (IA).

Segundo as análises dos pesquisadores, nos últimos três anos foi registrada queda no número de visitações, com pelo menos 50 animais no auge da temporada, que ocorre em setembro. Entre 2002 e 2013, a média era de 109. Um dos motivos a redução está associado as mudanças climáticas, indicam os estudos.

A partir de julho, o IA começa o monitoramento por terra das baleias.

Fonte: G1