Vinte e sete famílias indígenas, integrantes da aldeia Nhu-Porã, foram contempladas com 270 kg de sementes de milho, feijão e hortaliças, na última quarta-feira, 29 de novembro. As sementes foram doadas pela Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo, através do escritório da Emater/Ascar de Torres e da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural e Pesca.

A doação ocorreu por meio do Programa “Brasil Sem Miséria 2”, o qual os indígenas são beneficiados no ano de 2016. As sementes foram distribuídas em 5 kg de de milho, 5 kg de feijão e um kit de 10 sementes de hortaliças por família da aldeia. A Nhu-Porã, localizada no Campo Bonito, compreende 97 hectares de terra e de acordo com o chefe do escritório da Emater, Jânio Pintos Rodrigues, 60% do espaço pode ser aproveitado para o plantio. O propósito do “Brasil Sem Miséria 2” é o de proporcionar a sustentabilidade da aldeia e ainda oferecer sementes de qualidade, não transgênicas.

A entrega foi feita por Jânio Pintos, da Emater, e pelo secretário municipal José Vanderlei Brocca. Docomitê do Programa estavam presentes no evento,  José Carlos de Matos, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Torres;  Osvaldo Alves de Siqueira, presidente da Colônia de Pescadores Z7 – Torres;  Neusa dia de Araujo Carlo, secretária municipal de Assistência Social e Direitos Humanos e  Aline Behnck Apolinário, do Controle Interno Escolar da Secretarial Municipal de Educação.