A Secretaria de Estado da Defesa Civil de Santa Catarina definiu os 20 Municípios pilotos do projeto SMS. A seleção foi feita pelo secretário de Estado da Defesa Civil, com o auxílio dos coordenadores Regionais, diretoria de Prevenção e equipe técnica de Monitoramento e Alerta da Secretaria. Em cada Regional da Defesa Civil foi escolhido um Município piloto. Os testes com alertas via SMS começam em fevereiro de 2017. Ainda é estudado qual número será usado para enviar os alertas.

O objetivo desse projeto é ampliar as plataformas de emissão de alertas de eventos climáticos. Hoje a secretaria de Estado da Defesa Civil comunica por meio do site oficial, redes sociais (Twitter, Instagram e Facebook), coordenadores regionais e municipais e grupos de imprensa.

Para selecionar os Municípios, a equipe levou em consideração alguns critérios apontados pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Sendo que o número total da população dos 20 Municípios deveria fechar em 500 mil habitantes; também foram considerados os Municípios com pouca ou nenhuma estrutura de Defesa Civil e a tipologia de eventos climáticos.

O projeto terá três etapas. A primeira ocorre durante quatro meses com os 20 Municípios catarinenses. Depois, o teste é ampliado para todo o Estado e o Brasil. Nessa fase as pessoas irão cadastrar o CEP para receber os alertas. Na terceira etapa, o alerta é emitido por georeferenciamento a partir das antenas de celulares. O cidadão receberá o alerta dentro da área de abrangência de telefonia móvel.

Fonte: Leneza Della Krás