Prestes a realizar o maior sonho de sua vida, a serviços gerais Jucilene Marques Alves, 30 anos, mantém um sorriso no rosto que irradia felicidade. Mas toda esta alegria tem justificativa. É que no próximo sábado, a partir das 17h, ela vai subir ao altar com vestido branco, buquê e ainda com direito a um casamento que terá cenário paradisíaco, festa, bufê e decoração especial.

Mas tudo isso só está sendo possível graças ao empenho e a dedicação de um grupo de amigas e colegas de trabalho, que se mobilizaram para fazer do sonho de Jucilene, o próprio sonho. “Sempre tive o sonho de casar como toda noiva vestida de branco, com buquê e ficar em dia perante a lei de Deus e a lei dos homens. Mas esse sempre foi um sonho muito distante porque as nossas condições financeiras nunca permitiram”, conta Jucilene que vive há 7 anos ao lado do companheiro Valdecir Nazário, 37 anos. Frutos desta união nasceram duas meninas, Lívia de 1 anos e 8 meses e Paola de 3 anos.

Jucilene lembra que conheceu Valdecir e foi amor à primeira vista. Logo se uniram, participavam juntos da mesma igreja, mas a convivência a dois acabou gerando alguns atritos, o que já estava contribuindo para o enfraquecimento da união. Mas há pouco mais de um ano, problemas com a saúde das duas filhas acabou unindo novamente o casal e a relação dos dois ficou mais forte do que nunca. “Enfrentamos alguns problemas de saúde com as duas filhas. Isso acabou unindo ainda mais a gente. Voltamos para igreja, reforçamos nossa fé e passamos a sonhar com o casamento”, conta. O que Jucilene não sabia é que as amigas e colegas de trabalho iam dar uma forcinha.

Construindo um sonho

Segundo dito popular, quem tem amigos tem tudo. A frase ilustra com perfeição a história que envolve o casamento de Jucilene. Tudo começou quando ela revelou o sonho à amiga Silvana Silveira, diretora da Escola onde trabalha, o CEI Gente Inocente, no Bairro Lagoão em Araranguá. “Quando soube o sonho dela, fiquei imaginando maneiras de tornar isso real, porque eu percebi o quanto seria importante. Foi aí que surgiu a ideia de envolver toda equipe, porque aqui somos todos uma grande família. Lançado o desafio, todos abraçaram a causa e se mobilizaram em busca de parceiros para realizar o casamento e a festa. Muitos parceiros foram surgindo e hoje estamos com tudo pronto”, conta animada Silvana.

Mas juntar as escovas de dente com direito à festa, bufê e vestido branco definitivamente não é algo barato. Foi aí que entrou em campo um time bastante animado de amigas. Elas se preocuparam com os mínimos detalhes. Até os convites foram minuciosamente confeccionados à mão, o sítio onde vai acontecer a cerimonia é empréstimo do amigo Maureci Rodrigues, um lugar paradisíaco que até parece coisa de novela. O vestido da noiva, o traje do noivo, das daminhas (que serão as filhas) são cortesia de lojas de roupas de festas. O bufê será preparado com muito carinho pelas próprias amigas e os custos foram rateados entre elas. “Estamos vivendo juntas esse sonho, até parece que nós vamos casar também” brinca Silvana.

Bem humorada, Jucilene brinca: “Na minha própria festa de casamento só vou entrar com o noivo, porque quem tem amigas tem tudo”. Mas as boas surpresas não param por aí. A serviços gerais vai viver um dia de rainha. Ela ganhou um dia especial de beleza com direito a cabelo, pés, mãos, maquiagem, limpeza de pele e até massagem. Para tornar real essa experiência mágica, alguns parceiros foram essenciais: Gi massagens, Rodrigues Joalheria, Bella Noivas, Noivas & Casais, Padaria Serafim, Radical Fashion, Aline Prudêncio, Rodrigo Alves móveis rústicos, Ateliê da maquiagem By Ely Rafael, JC Lustres e Decor.

Lágrimas de emoção

E como não se emocionar diante de tanta demonstração de carinho e gentileza? Como já era de se esperar, Jucilene foi às lagrimas no fim da entrevista ao agradecer a dedicação das amigas. Todas se abraçaram selando uma amizade demonstrada muitos mais por atos do que por puras palavras. “Não tenho palavras para agradecer. Serei eternamente grata porque elas abraçaram um sonho que era só meu e fizeram disso o sonho delas. São seres especiais que Deus colocou na minha vida”. A amiga Rita de Cássia de Souza falou em nome do grupo: “A sensação é de realização pessoal. Poder contribuir para um momento como este é incrível, deixa a gente transbordando de alegria. Fazer o bem, faz bem para alma”, finaliza.