O vereador Alexandre Rezende Pereira (PPS) formulou requerimento solicitando que a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) informe a situação e providencie a contratação de mais professores, de docentes para ministrar aulas em (Língua Brasileira de Sinais - Libras) e verifique se existe superlotação de estudantes em salas de aula no Campus de Araranguá.

Requerimento do vereador com a finalidade de interceder pela solução do problema será apresentado na Câmara Municipal durante a sessão dessa quarta-feira à noite, dia 17. Pelo trâmite normal, a proposta posteriormente é submetida para análise das comissões internas e só em seguida ocorre a votação em plenário. O vereador, no entanto, vai solicitar que a matéria seja apreciada em caráter de urgência. “Acadêmicos da universidade estão preocupados. Os estudantes próximos de conquistarem suas formaturas nos cursos de graduação tem planos e temem que a carência de professores interfira nesses projetos. Além disso existe uma preocupação com a manutenção na qualidade do ensino. Hoje faltam dez docentes dos quatro cursos ofertados pela UFSC de Araranguá”, ponderou Alexandre.

Caso receba aprovação na Câmara Municipal, o requerimento será encaminhado ao diretor do Campus da UFSC em Araranguá, professor Eugênio Simão e ao reitor da UFSC no Estado, professor Luiz Carlos Cancellier.

Fonte: AssCom Câmara de Vereadores de Araranguá