A Prefeitura de Araranguá, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social e Habitação, promove no próximo dia 18, uma caminhada que marcará o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes. O ato está marcado para iniciar às 14 horas, em frente ao Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), localizado ao lado do Samae.

O evento deverá tomar as principais avenidas do município com o objetivo de mobilizar a sociedade e convocá-la para o engajamento pelos direitos de crianças e adolescentes e na luta pelo fim da violência sexual. “Neste dia iremos chamar a atenção para este problema. Infelizmente existem pessoas que sabem de crianças que estão tendo os direitos violados, porém, não denunciam. Há um trabalho no município que é a Rede de Proteção que auxilia tanto na denúncia quanto no acolhimento”, diz a secretária municipal de Assistência Social e Habitação, Ana Calegari.

O Disque 100 é o número para denunciar quem comete crime contra crianças e adolescentes e pode ser feito de forma anônima. Além da Prefeitura e Secretaria, a Rede de Proteção no município conta ainda com a participação da Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI), Conselho Tutelar e Creas. Para a caminhada também é esperada a presença de entidades ligadas a trabalhos com crianças e adolescentes, além de reunir as redes públicas de Educação e Saúde.