A jornalista Karina Farias, professora do curso de jornalismo da Faculdade Satc, em Criciúma, e doutoranda da UFSC, está entre os autores do capítulo catarinense do livro sobre a migração do Rádio AM para FM.

O livro será lançada no próximo dia 5 de setembro, quarta-feira, durante o 41º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, Intercom, em Joinville.

O livro Migração do rádio AM para o FM - Avaliação de impacto e desafios frente à convergência tecnológica, é uma das novidades deste segundo semestre no cenário radiofônico.

A obra foi organizada pelas professoras professoras doutoras Nair Prata, UFOP, e Nélia Del Bianco, UnB/UFG, para buscar entendimento sobre o impacto da migração do rádio AM para o FM no Brasil.

O capítulo que aborda a temática da mudança de espectro em Santa Catarina e tem a autoria de pesquisadores do Programa de Pós-Graduação PPGJOR, e do Curso de Graduação em Jornalismo da UFSC.

É intitulado Santa Catarina - Perspectivas de um novo dial frente às mudanças na migração do AM para o FM.

Fonte: Karina Manarin