Em tempos de crises econômicas e inúmeras dificuldades políticas por qual o país passa, nada melhor do que falar sobre empreendedorismo. E para incentivar iniciativas inovadoras e novos negócios, o Estado tem um papel fundamental neste processo.

Com o objetivo de alertar a população e conscientizar as autoridades política para a necessidade de se implementar ações efetivas que incentivem o empreendedorismo, o Conselho Nacional do Jovem Empreendedor (Conaje), promoveu neste ano a 7ª edição do Feirão do Imposto. E em Araranguá, a ação foi novamente abraçada pelo Núcleo do Jovem Empreendedor, que realizou importantes ações na cidade.

Entre os dias 20 e 25 de maio, foram promovidas diversas ações pela Cidade das Avenidas, sendo a principal delas a participação na 24ª sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Araranguá no último dia 22.

De acordo com o coordenador do Núcleo, Gustavo Leme, o legislativo araranguaense cedeu um precioso espaço durante a sessão, por meio do vereador Jorge Luiz Pereira, o Jorginho. Este tempo foi utilizado por Leme para pedir apoio dos vereadores ao empreendedorismo.

Articulação na Casa legislativa

No discurso, Leme apresentou um vídeo sobre o programa do governo do Estado, intitulado Santa Catarina Mais Simples, que tem o objetivo de tornar o processo de abertura de uma empresa mais rápido e ágil.

“Eu peço aos senhores vereadores que levantem essa bandeira junto com a gente para a implantação e integração do município de Araranguá aos demais municípios do estado, com a assinatura desse termo do ‘Santa Catarina Mais Simples’ na Junta do estado e da homologação da Lei 17.071”, pontuou.

O coordenador do Núcleo Jovem explicou que com estas medidas, Araranguá ficará apta ao enquadramento empresarial simplificado e a autodeclararão, “Fomentando que o empresário, empreendedor ou empreendedora consiga obter seus documentos para a rodagem do seu negócio de maneira transparente e legal em até cinco dias”, discursou.

Ele encerrou o discurso, pedindo apoio da casa legislativa. “e em nome da ACIVA e do Núcleo do Jovem gostaríamos de contar com o apoio de todos nessa Casa para conscientizar um ambiente mais empreendedor, com geração de mais negócios e rendas e maiores empregos no Vale do Araranguá”, concluiu.

Expectativas

O principal objetivo da participação na sessão da Câmara, ainda conforme Leme, foi de levar ao conhecimento de todos os vereadores sobre a nova Lei estadual. “Além disso, pedimos aos vereadores que quando o Executivo desse entrada desta Lei no Legislativo, que a Lei fosse aprovado com agilidade pela Câmara, para assim facilitar a abertura de empresas em Araranguá”, detalhou.

Feirão também contou com ação de conscientização

O Núcleo Jovem completou a semana de ações do Feirão do Imposto com a participação na Feira ACIVA de Profissões. Realizada no auditório Plínio Linhares, do Center Shopping Araranguá, o Núcleo apresentou ao público o Impostômetro, software disponível na internet que mostra os valores arrecadados me impostos pelo Governo Federal no ano.

“Foi uma ação pontual de conscientização, que neste caso visamos os jovens do Ensino Médio, para alertá-los sobre a importância de se lutar por um país com menos impostos, com liberdade para empreender”, destacou.

Fonte: Assessoria de Imprensa