Na última sexta-feira, 14, foi realizada a Assembleia Geral Extraordinária no Centro de Tradições Gaúchas – CTG de Turvo. Participaram da reunião 80 delegados, além da diretoria e da consultoria organizacional.

Durante a reunião, foram apresentados os resultados obtidos pela cooperativa durante o ano de 2018, os quais mais uma vez comprovaram o potencial colaborativo da Credisulca e a sua contribuição para os associados.

Até novembro de 2018, a Credisulca apresentou 26 milhões em sobras, ou seja, a comunidade será beneficiada com este valor, já que uma parte dele retorna diretamente para os associados e outra fica na própria cooperativa para expansão e projetos sociais, como por exemplo o de educação financeira chamado A Turminha do Sulca.

Além disso, a Assembleia também é o momento para ouvir os delegados, fazendo com que a gestão democrática e participativa seja cada vez mais presente, o que leva a execução dos trabalhos para 2019 sempre pensando no que é a razão da existência da cooperativa: os associados.

Para o presidente, Sr. Romanim Dagostin, a assembleia é uma forma de apresentar os ótimos resultados conquistados e traçar um panorama para o próximo ano, já que em 2018 os números já são positivos e a expectativa para 2019 é ainda melhor.

Fonte: Logans Daniel Rodrigues