O Verão é a época do ano mais propícia para o lazer e o descanso. É a estação das férias, onde as pessoas fogem da rotina diária para aproveitar as praias e o calor. Mas, para manter a saúde em dia, é preciso ter atenção com as altas temperaturas. Nesta época, o organismo também sente a variação térmica e precisa de cuidados diferenciados, principalmente na alimentação e na hidratação.

Uma das principais mudanças sentidas pelo corpo está relacionada à queima de calorias. Há uma diminuição da taxa de metabolismo basal, ou seja, o corpo gasta menos calorias em repouso, o que provoca uma inibição da fome. “Isso ocorre porque, ao contrário do Inverno, onde temos que gerar mais calor para aquecer o corpo, no Verão nossa necessidade de ingerir calorias diminui. Por isso a sensação de menor fome. Como o corpo concentra a energia no processo de resfriamento, recomenda-se uma alimentação mais leve para não sobrecarregar seu funcionamento e evitar mal estar”, explica a nutricionista da rede de supermercados Manentti, Talita Villain.

A falta de apetite pode levar a jejuns prolongados deixando, o organismo fraco e debilitado e aumentando a sensação de cansaço. Por isso a recomendação é se alimentar mais vezes durante o dia. “As pessoas devem realizar de cinco a seis refeições por dia, comendo pouca quantidade, mas várias vezes. O ideal é consumir uma variedade de frutas, legumes e verduras, que são fontes de fibras, vitaminas e minerais. Nesta época, as refeições devem ser mais leves, refrescantes e sem excessos”, ressalta Talita.

Para manter o bronzeado

De acordo Talita, uma boa alimentação pode, inclusive, auxiliar na manutenção do bronzeado e na proteção da pele, prevenindo o envelhecimento. Ela aponta que os alimentos ricos em betacaroteno, precursor da vitamina A, auxiliam na produção de melanina, pigmento responsável pela cor da pele.

Entre os alimentos que possuem esses nutrientes se destacam os vegetais verdes escuros (espinafre, repolho, brócolis, agrião) e as frutas e verduras alaranjadas (cenoura, abóbora, manga e mamão). “Para garantir o bronzeado perfeito no verão, basta manter uma regularidade desses alimentos no cardápio. Ou seja, o consumo ao longo do dia ajuda a ter uma reserva orgânica de betacaroteno e antioxidantes, o que, além do bronzeado, ajuda a prevenir o envelhecimento”, afirma a nutricionista.

Se hidratar é fundamental

Um dos principais desafios do corpo no Verão é manter sua temperatura normal (aproximadamente 36°C) frente às altas temperaturas ambientais. Para tentar permanecer estável, o corpo se resfria por meio da transpiração, que faz o organismo perder quantidades consideráveis de água e sais minerais. Por isso, é fundamental se manter hidratado. “A ingestão de líquidos deve ser constante ao longo do dia e nunca devemos esperar ter a sensação de sede, pois esse já é um sinal de desidratação. A recomendação de consumo diário varia conforme uma série de fatores (idade, peso, sexo, nível atividade física, clima), mas em média é de dois litros”, aponta Talita.

Os líquidos mais indicados para serem ingeridos no verão são a água, a água de coco (fonte de sais minerais), chás naturais gelados e sucos naturais (fonte de vitaminas e minerais).

Dicas para uma alimentação saudável no Verão

1 - Realizar de cinco a seis refeições por dia, comendo pouca quantidade várias vezes;

2 - Consumir uma variedade de frutas, legumes e verduras, que são fontes de fibras, vitaminas e minerais;

3 - Realizar refeições mais leves, refrescantes e sem excessos;

4 - Preferir alimentos à base de grãos e cereais integrais;

5 – Optar por sobremesas à base de frutas (frescas, salada, picolé);

6 – Optar por carnes brancas e cortes magros de carne na forma de assados, cozidos ou grelhados.