No segundo semestre deste ano, os moradores de Maracajá, que não tiveram oportunidade de estudar no tempo normal, vão contar com um programa de Educação de Jovens e Adultos (EJA) em nível municipal. A decisão, que vem sendo estudada e planejada deste o início do ano letivo, foi tomada em reunião do prefeito Arlindo Rocha com a diretora de Educação, professora Cristiane Sant`Ana e a secretária de Administração, Marluci Vitali.

"É um serviço importante que a educação municipal pode e vai oferecer à comunidade, com o mesmo padrão de qualidade que é oferecido às crianças e adolescentes na nossa rede, mas dentro do contexto da realidade de jovens e adultos", garante a diretora de Educação, que trabalha com sua equipe para formalização final do projeto para os trâmites legais.

Conforme o prefeito Arlindo Rocha, a prioridade à educação é uma das marcas da administração municipal, que vai se estendendo em todos os setores, desde a infraestrutura até as questões pedagógicas e da utilização da tecnologia no cotidiano de professores e estudantes da rede municipal de ensino, inclusive com a utilização de tablets nas aulas.

O calendário de matrículas, contratação de profissionais para atuarem no EJA, o preparo das instalações e aquisição de materiais necessários, conforme a diretora Cristiane Sant`Ana, serão providenciados nos próximos 60 dias, para que tudo esteja pronto para início das aulas no decorrer no segundo semestre.

Fonte: Assessoria de Imprensa