Cerca de 150 professores da rede municipal de Jacinto Machado participam, nesta quinta, 7, e sexta-feira, 8, de capacitação promovida através da parceria da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte, e do projeto Geoparque Cânions do Sul. A iniciativa é uma ação do Eixo de Educação do projeto.

Neste primeiro dia de encontro, os trabalhos foram conduzidos pelos funcionários do Cenpaleo (Centro Paleontológico da Universidade do Contestado), Cristiane Pschpidt e João Henrique Zahdi Rictti e dois alunos. O objetivo foi passar os conceitos da paleontologia e da educação patrimonial para os professores e ainda exemplos de atividades para serem desenvolvidas em sala de aula.

O Cenpaleo é um centro de pesquisas em paleontologia da região Norte de Santa Catarina e tem por objetivo salvaguardar o patrimônio paleontológico e Arqueológico de forma geral, promover a pesquisa e a divulgação do conhecimento científico Paleoarqueológico, enfatizando o material proveniente do planalto Norte Catarinense. O Centro é mantido pela Universidade do Contestado, situado no campus Mafra.

A secretária de Educação, Cultura e Esporte, Cleonice Fontana Possamai, recebeu a todos os professores. “Sejam todos bem-vindos, que tenhamos um ótimo ano letivo e aproveitem este espaço para se aprofundar ainda mais no projeto Geoparque”.

O encontro teve ainda a participação do secretário de Turismo José Carlos Zanatta, o Zecão, membro da equipe técnica do projeto Geoparque e da colaboradora do projeto Geoparque, geóloga Flávia de Lima.

Na sexta, 8, a capacitação segue com representantes do Laboratório de Arqueologia Pedro Ignácio Schmitz (LAPIS) da Universidade do Extremo Sul Catarinense (UNESC), de Criciúma, destacando a Arqueologia Regional.

Fonte: Itaionara Recco