A Secretaria de Educação de Criciúma se destacou na participação do XVIII Concurso Literário promovido pela Academia Criciumense de Letras, nos meses de março a agosto. O concurso tinha como objetivo fomentar a prática da leitura e da escrita nas escolas públicas do município nos gêneros poema, conto e crônica, com categorias infantil e adulta.

Dos textos vencedores, o estudante Gabriel Correa Euzébio, da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Jorge da Cunha Carneiro, garantiu o 2º lugar na categoria infantil com o gênero poema; e Monike Gebing Tasca, da Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental (EMEIEF) Padre Ludovico Coccolo, conquistou o 3º lugar na categoria infantil com o gênero poema.

Além do 2º e 3º lugares na categoria infantil, gênero poema, também ocorreu a menção honrosa dos estudantes Luan Claudino Borda da EMEIEF Padre Ludovico Coccolo, Maria Carolia Zacarão Demboski da EMEIEF Casemiro Stachurski, e Lívia Zabote Geremias, Murilo Batista e Vitor Felipe da EMEF Jorge da Cunha Carneiro.

De acordo com o coordenador pedagógico, Guilherme Honorato, neste ano a Secretaria de Educação encaminhou às escolas o edital do Concurso Literário, com o objetivo de criar, nas salas de aula, espaços de aprendizagem sobre a produção escrita de textos. “É a partir da criação de novos espaços de aprendizagem que se tem o indicador mais sensível de todas as transformações sociais”, apontou o coordenador.

Para a secretária de Educação, Roseli de Lucca Pizzolo, o concurso permitiu que os laços entre a cultura escrita dos estudantes fossem estreitados. “Estamos orgulhosos de nossos alunos que ficarão eternamente registrados na história da nossa academia. É uma honra para nós termos alunos autores”, ressaltou a secretária. A sessão solene para a premiação dos textos selecionados e vencedores do Concurso Literário será realizada em novembro.

Fonte: Fonte: Prefeitura de Criciúma