O Concurso de Sistemas Embarcados 2017 - WND IOT CHALLENGE, é organizado pela Sociedade Brasileira de Computação – SBC. No ano de 2017 a competição ocorreu no estado do Paraná, encerrada no último dia 10 de novembro. Uma equipe de alunos do curso de Engenharia de Computação da UFSC - Campus Araranguá foi premiada na categoria melhor projeto de graduação. Os vencedores Marcelly Homem Coelho, Vinicius Ferri e Thiago Dal Pont apresentaram o projeto “Implementação de um Sistema para Monitoramento de Barragens”.

A fim de auxiliar no controle das variáveis do sistema e advertir a população local em caso de emergência, o protótipo construído possui módulos de sensoriamento cujos valores referentes à entrada dos sensores são tratados utilizando uma técnica de Inteligência Artificial, a qual gera uma saída que é enviada para um dispositivo móvel, com o propósito de transmitir informações relacionadas ao estado da represa.

Aluna da décima fase de Engenharia de Computação, Marcely conta como foi participar de uma competição deste nível. “Tive uma semana de muito aprendizado, superação e conquistas. Foi um prazer participar da Competição de Sistemas Embarcados e apresentar um tema de grande relevância para a segurança de barragens. A premiação foi um reconhecimento de todas as dificuldades encontradas ao longo do projeto”.

O concurso é destinado a alunos de graduação e pós-graduação, que desenvolvam Sistemas Computacionais Embarcados no Brasil e que estejam regularmente matriculados em universidades, institutos federais, escolas técnicas, SENAI ou SENAC em cursos de Engenharia de Computação, Engenharia Elétrica, Engenharia de Controle e Automação, Ciência da Computação, Sistemas de Informação ou afins, reconhecidos pelo Ministério da Educação e Cultura. Os alunos da UFSC Araranguá foram orientados pelo professor Anderson Luiz Fernandes Perez, e como premio receberam uma vaga na aceleradora BAITA.

Fonte: Comunicação Institucional Universidade Federal de Santa Catarina Campus Araranguá