O departamento municipal de Meio Ambiente de Balneário Gaivota esteve em reunião com o prefeito Ronaldo Pereira da Silva e o presidente do Samae, João Stuart para explanar sobre o projeto de preservação e limpeza das lagoas do município.

Marcelo Aguiar Alves, diretor do Meio Ambiente explicou que nos últimos meses foram feitos levantamentos sobre a situação das lagoas para elaboração das próximas atividades “percorremos e registramos  as nossas lagoas, diante disto a bióloga Adelsa Fernandes elaborou um programa de ação juntamente com um relatório”.

Dentre os pontos principais, Adelsa destacou a importância de iniciar os trabalhos nas lagoas que são os mananciais de abastecimento de água para a população “vamos iniciar os trabalhos na Lagoa da Terneira e logo após um trabalho na Lagoa do Rodeio”.

Ronaldo Pereira da Silva enfatizou que manter as lagoas em plena preservação faz parte da politica de planejamento da administração, sendo que na ocasião já tomou conhecimento da situação, autorizando o inicio dos trabalhos junto a Lagoa da Terneira “além de serem belezas dentro do nosso município, as lagoas são de extrema importância para os gaivotenses, de fato, é o nosso recurso natural para abastecimento das casas com água tratada”.

De acordo com o departamento de meio ambiente, os trabalhos de estudo já estão sendo finalizados e neste semestre iniciam os trabalhos de limpeza da vegetação (exótica) que esta na lagoa “a limpeza que falamos é referente aos conhecidos aguapés, que são plantas aquáticas que acabam prejudicando a biodiversidade e qualidade da água das lagoas” explicou a bióloga Adelsa Fernandes.

Fonte: Guilherme Scherer