Alunos do 1° e 2º anos da Escola de Ensino Básico Timbé do Sul visitaram, na última terça-feira (23/05), o viveiro de passagem das obras de implantação e pavimentação da BR-285/RS/SC.

A estrutura construída pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT/SC), por meio do Consórcio Setep/Ivaí/Sotepa, tem 450 m² e fica situada no canteiro de obras do Lote 2, em Timbé do Sul. O local recebe mudas e sementes de espécies resgatadas no trecho em obras para futuro plantio em áreas no entorno do empreendimento. O objetivo é garantir a manutenção e a conservação da flora nativa.

A visitação foi acompanhada pela equipe da Gestora Ambiental (STE S.A) e por biólogos do Consórcio. Os estudantes viram de perto exemplares de bromélias, orquídeas, xaxins, palmiteiros, rainhas-do-abismo, entre outras espécies consideradas raras, ameaçadas de extinção e/ou protegidas por lei. Os técnicos lembraram que a flora da região é muito rica em diversidade, o que torna ainda mais importante esse trabalho de resgate. Chamou a atenção também o plantio da araucária feito com o próprio pinhão, que é a semente da árvore.

A equipe lembrou que a gralha-azul, eleita mascote do empreendimento, auxilia na dispersão da espécie. É que no inverno a ave retira o pinhão da araucária para se alimentar, o transporta e enterra para estocar, fazendo com que a árvore germine em novo local.

A atividade faz parte do projeto Ensino Médio Inovador, o qual busca promover a formação integral dos estudantes com propostas criativas e emancipadoras. O conhecimento auxiliará a escola a implantar algo semelhante ao viveiro visando o cultivo e a disseminação da flora nativa. O aluno do 1º ano Weslley Cenne, de 15 anos, aproveitou a oportunidade para tirar dúvidas e aprender sobre as técnicas e cuidados necessários. “A ideia é o pessoal do 2º ano fazer o projeto de uma estufa e a nossa turma ficar responsável pelo plantio e irrigação”, explicou.

Fonte: Assessoria de Comunicação STE