A Indústria Cultural e Contra Cultura foi tema de um projeto desenvolvido com alunos das turmas do ensino médio inovador da EEB Governador Ildo Meneghetti, de Passo de Torres, escola da rede estadual de ensino da área de abrangência da Gerência de Educação da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Araranguá.

O trabalho foi desenvolvido pela Professora da Disciplina de Sociologia da Unidade Escolar, Aline Gabriel Bitencourt. Ela destaca que além de estudo e discussão sobre os temas propostos, os alunos realizaram apresentações, debates e desfiles.

Segundo a coordenadora do Programa Ensino Médio Inovador, Zélia F. Borges, divididos em grupos mistos, após um mês de pesquisa e estudo para o desenvolvimento do projeto, os estudantes realizaram apresentações para toda a escola. “O projeto foi muito bem aceito e importante para os alunos, que abordaram temas relevantes para os dias atuais”, destacou.

Entre os grupos e temas apresentados no Projeto estavam: A sociologia discutindo Indústria Cultural e Contra Cultura; Os padrões de beleza e a Indústria Cultural; As redes sociais e a comunicação na Indústria Cultural; O cinema visto como arte e mercadoria; As expressões da moda da década de 60 aos dias atuais: Indústria Cultural, Contra cultura e Tribos Urbanas; O rock e o rap como voz crítica da contra cultura.

O gerente de Educação da ADR Araranguá, Nilson Costa, enaltece a realização do Projeto. “Parabéns à equipe responsável pelo projeto, que proporcionou uma atividade diferenciada do cotidiano escolar dos alunos, estimulando a pesquisa e a criatividade dos nossos estudantes”, concluiu.

Fonte: Leneza Della Krás