Faça chuva ou faça sol, a agente comunitária de saúde Lorizete Becker Arizoni, 44, a Zete, visita as 154 famílias do bairro Zanette e da comunidade de Poço Verde para colher dados sobre a saúde e dar a atenção especial prevista no ESF – Estratégia Saúde da Família. Para fazer o trabalho desenvolvido por ela há nove anos, Zete utiliza uma bicicleta, e usava muitos papeis para fazer as anotações dos pacientes.

Zete está contente com o novo tablet

Hoje, a realidade dela e das outras 17 agentes comunitárias de saúde em Meleiro mudou: cada uma delas recebeu um tablet e uma mochila nova, garantindo mais agilidade nos trabalhos, menos peso e papeis para carregar, e uma bolsa adequada para levar a capa de chuva, o casaco e outros utensílios que fazem parte da correria do dia a dia.

“As anotações feitas em papel eram complicadas. Sempre corríamos o risco de perder os dados e ter que voltar às casas para buscar de novo. Também dava muito trabalho organizar as informações, encaminhar para o posto e depois, ver o trabalho que elas tinham para digitar tudo e enviar para o sistema do Ministério da Saúde”, explica Zete, que comemora a presença da nova tecnologia: “Me sinto mais valorizada como profissional”.

Sirlei diz que está se adaptando ao tablet

Atuando como agente de saúde há cinco anos, Sirlei Possamai Pagnan, 50, atende 158 famílias da área rural nas comunidades de Boa Vista, Linha São José e parte de Sanga Grande. Para ela, ingressar no mundo da tecnologia aliada ao trabalho tem sido uma boa experiência: “Ainda estamos nos adaptando, mas já vimos que é muito melhor que andar com os cadernos, que obrigava a gente a passar todos os meses a quantidade de visitas e no final do mês, tinha que fazer o boletim. Agora não precisa mais disso, porque os dados são automaticamente registrados, e depois, com wi-fi, eles são sincronizados. Ficou bem melhor”, garante.

Comemoração

Quem está comemorando o investimento é o prefeito Nei Zanette, que vê os investimentos refletindo na população. Há menos de um mês, o prefeito encomendou uma pesquisa que mostrou que 92% dos munícipes aprovam a saúde no município. Para ele, conquistas assim não se fazem sozinhas: “Tudo isso se constroi em conjunto, e eu posso garantir que esse resultado vem da excelente equipe de saúde dirigida pela secretária Ana Ostetto”, enfatizou.

Para o prefeito, o investimento tecnológico como ferramenta para os agentes de saúde é resultado da preocupação em oferecer à população o tratamento digno que ela merece, e além disso, oportunizar aos servidores da saúde as condições necessárias para que possam sentir que são valorizados e que tenham a certeza de dever cumprido.

[+] Veja Mais:

Tecnologia a serviço da saúde