Nos mais de 22 km de seu extenso litoral, o sotaque mais ouvido na beira-mar em Arroio do Silva é o gaúcho. É que nesta época do ano, o tchê, costuma invadir as praias catarinenses. Estamos falando daquele velho ditado que diz que "a grama do vizinho é mais verde". Pois é, ele cai bem para os gaúchos em relação ao mar. Por mais bairrista que a gauchada seja, quando chega o verão, milhares pegam a BR-101 e invadem as praias catarinenses.

Muito dessa migração sazonal se deve à beleza e aos atrativos que são encontrados aqui. E o Arroio do Silva tem sido o destino preferido dos gaúchos nas últimas temporadas. É o que aponta um levantamento realizado pelo setor de turismo da Associação dos Municípios do Extremo-Sul de Santa Catarina- AMESC em 2015.

De acordo com a coordenadora de Turismo da Amesc, Cristiane Bilessimo, na temporada passada, a pesquisa que ouviu aproximadamente 700 entrevistados, apontou que 70% dos turistas que vieram banhar-se nas águas do Arroio do Silva eram oriundos do Rio Grande do Sul, no entanto os Hermanos argentinos e paraguaios também vieram em bom número. A notícia ainda mais positiva é que os turistas avaliaram muito bem a nossa receptividade. “A acolhida calorosa da população, a forma educada e cordial de tratar bem os turistas foram bastante comentadas na pesquisa. Essa avaliação é super positiva, pois demonstra que está havendo uma fidelização do turista que visita a região Caminho dos Canyons,” explicou. Um novo levantamento está sendo realizado agora em 2016 e deverá ficar pronto até o final da temporada.

Chimarrão e praia

E em solo catarinense dominado por gaúchos, o que não pode faltar é o chimarrão. A bebida preferida dos gaúchos chegou também às areias. Quem é apaixonado pelo mate, como o casal Rosemeri Welter e Renerogis Barreto, não larga a cuia nem mesmo na hora de curtir o mar.

Apaixonados pela cultura de origem, eles não abandonam os velhos costumes como o chimarrão, mas se renderam às belezas naturais e aos atrativos turísticos da região. “Estamos aqui há seis dias e ainda nem conseguimos ver tudo. São muitas as opções para aproveitar. Esta é a primeira vez que viemos, mas tivemos uma excelente primeira impressão. É um local tranquilo, seguro, os preços praticados são justos e a receptividade do povo é incrível. É a primeira de muitas vezes, pois além de voltar, recomendaremos aos amigos e parentes,” explicou Rosemeri.