Rolando Christian Coelho
02/12/2019 08h58

Política está cada vez mais idiota

Rolando Christian Coelho, 02/12/2019

Política está cada vez mais idiota

Áureos tempos aqueles em que se discutia política no Brasil. A política das idéias, dos projetos, dos caminhos a serem seguidos pelo chamado gigante adormecido. Tal discussão ainda podia ser presenciada até o escândalo do Mensalão, em meados da primeira gestão do governo de Lula da Silva (PT), há cerca de 15 anos. De lá para cá, tudo virou uma tábua rasa. Os avanços tecnológicos, que possibilitaram a democratização da comunicação, especialmente através das redes sociais, ajudaram a enterrar de vez qualquer pretensão que se pudesse ter relacionada a uma discussão mais promissora, quando o assunto é a política nacional. Desde então, tudo virou meramente uma briga de torcidas.

A coisa é tão absurda, que se vê, por exemplo, Lula defendendo a inocência do ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, e o presidente Jair Bolsonaro querendo emplacar o próprio filho como embaixador nos Estados Unidos. Chegam a ser exemplos grotescos que nos dão conta da completa incivilidade política que estamos emergidos, pelo menos do ponto de vista do projeto de república democrática que há tanto lutamos para construir.

Cá embaixo, então, a barbárie é total. O aumento do preço da carne tem virado motivo de discórdia entre familiares, que insistem em achar um culpado pela mazela, como se a economia de mercado pudesse ser regulada por decreto em um país continental como o nosso.

A bem da verdade, a política acabou se transformando no exercício de se discutir futilidades, enquanto as reais necessidades da população permanecem engavetadas. Talvez seja isto que os que comandam verdadeiramente o poder almejem, nada mais.

Podemos lança nomes em Araranguá

Podemos de Araranguá promoveu reunião ontem à noite para apresentar sua nominada de candidatos à chapa proporcional. Em princípio, foram oficializados os nomes de doze simpatizantes da sigla como candidatos a vereador em 2020, dentre eles os vereadores Luciano Pires (PSB) e Diego Pires (PDT), que em março migrarão de seus partidos para o Podemos. Na ocasião, o partido também fez o lançamento da candidatura do ex-vereador Kila Ghellere ao executivo municipal. Até o momento, Kila é nome consensual da sigla para a disputa majoritária. Objetivo, a partir de agora, é ampliar o número de filiados, para que se aumente também as opções de candidaturas com vistas a eleição municipal do ano que vem.

Geovânia é confirmada como presidente do PSDB

Deputada federal Geovânia de Sá foi eleita por unanimidade para presidir o PSDB catarinense, em convenção realizada no sábado, em Florianópolis. Três fatos chamaram a atenção: as ausências do ex-presidente do partido, Marcos Vieira, e também do recém filiado Gelson Merisio, como ainda o perfeito entrosamento do ex-senador Paulo Bauer com os presentes, mesmo depois de ter anunciado que irá se filiar ao Aliança, do presidente Jair Bolsonaro. No discurso de posse, Geovânia ressaltou a importância que o partido precisará dar ao pleito municipal do ano que vem, para que este sirva de base para a eleição estadual de 2022.

PT de Araranguá tem mais um nome ventilado em 2020

PT de Araranguá está ganhando mais um nome dentre aqueles que poderão postular a majoritária no município ano que vem. Trata-se de Everson Casagrande, o Polaco, ex-presidente do Samae na gestão do ex-prefeito Sandro Maciel (PT). Polaco junta-se a nomes como o do vereador Jair Anastácio, do ex-vereador Ozair Banha da Silva e da presidente do partido, Sayonara Araújo, que no próximo dia 12 deixa o comando da sigla e o passa a Anastácio. Em relação ao executivo, em 2020 o PT araranguaense tem duas alternativas: disputar a prefeitura para marcar presença, ou propor uma aliança concorrendo como vice do MDB, buscando, deste modo, ressurgir das cinzas.

Plano de Carreira e CPI´s em discussão em Arroio

Em meio às discussões que envolvem os trabalhos de duas CPI´s, em Balneário Arroio do Silva, presidente do legislativo, Everaldo Caetano, o Chapelão (PSDB), promete colocar em votação, nesta semana, o tão esperado Plano de Carreiras dos Servidores Municipais. De acordo com ele, “este tema precisa ser encerrado antes do final do ano”. Já em relação às CPI´s, provavelmente elas só terão parecer definitivo em meados de janeiro. Uma objetiva investigar possíveis irregularidades na aquisição de remédios, e outra tem como foco a não conclusão do Ginásio Municipal de Esportes. Os dois assuntos estão relacionados a gestão do ex-prefeito Evandro Scaini (PSD).

Quer receber notícias pelo Whatsapp? Clique aqui

Os textos dos Blogs são opinativos e de responsabilidade dos autores. Não significa que a opinião expressada por eles seja a mesma do Grupo W3.

Recomendadas para você

Outras notícias