Maiara Possamai
18/03/2019 11h27 - Atualizado em 18/03/2019 11h27

Alerta: mensagem suicida surge em desenhos infantis

O post de hoje é um alerta sobre algo muito grave

Mamães, confesso que estou horrorizada em escrever sobre isso. Já tinha ouvido falar sobre o tal ‘Momo’ – um boneco com os olhos esbugalhados – que aparece em alguns vídeos trazendo mensagens suicidas. Mas a situação está ficando ainda mais séria: nos últimos dias, mães têm compartilhado que o tal ‘personagem’ – se é assim que podemos chamar – aparece em desenhos para bebês, como Pepa Pig, Mundo Bita e Baby Shark.

Em um dos grupos de mães que estou, algumas compartilharam mensagens de alerta dizendo que já passaram por esta situação. Uma delas disse que, dias desses, chegou a ver o início da mensagem:

- Eu não costumo deixar meu bebê assistir muito desenho, mas outro dia coloquei e estava vendo também. Passou um anúncio e, de repente, apareceu um túnel preto e branco, que te segura a visão e aquele boneco com os olhos esbugalhados. Na hora eu senti medo, nem escutei e já tirei. Desde esse episódio tenho deixado meu filho brincar com outras coisas, mas evito os desenhos.

Em um print compartilhado por outra mãe, um relato apavora quem lê:

- Meu filho, hoje mais cedo, estava com uma faca no pescoço, perguntei onde ele viu isso e ele disse: ‘no Tube mamãe’. Perguntei em qual desenho e ele disse que no Baby Shark e na Pepa. Então pedi para ele me mostrar e ele já começou a dizer: ‘momo, momo mamãe, cuidado!’ Fiquei horrorizada. Ele tem apenas cinco anos e me falou que pode passar a faca nos braços, ou enfiar na barriga. Ele andava meio estressado ultimamente, mas eu achava que era ciúmes da irmãzinha, me sinto culpada por não ter visto isso antes, mas graças a Deus vi a tempo. Estou apavorada!

Pesquisando mais sobre o assunto na internet, encontrei vários outros relatos. E o pior é que crianças já tentaram suicídio depois de ver estas mensagens. Gente, isso é MUITO SÉRIO!

A Lara sempre assiste desenhos no Youtube – porque na Netflix não tem todos que ela gosta – e ela já escolhia sozinha o que queria ver. Claro que sempre estamos perto dela, mas a partir de hoje, isso vai mudar!

Até que este tipo de mensagem seja banida, o melhor jeito de impedirmos tragédias é redobrarmos os cuidados com o que nossos filhos acessam. O perigo chegou para eles – confesso, muito antes do que imaginava!

Jamais imaginei que minha bebê, de apenas um ano e meio, estaria exposta a este perigo!

Este mundo está, realmente, perdido!!!

Os textos dos Blogs são opinativos e de responsabilidade dos autores. Não significa que a opinião expressada por eles seja a mesma do Grupo W3.

Recomendadas para você

Outras notícias