O CREAS, Centro de Referência Especializado em Assistência Social de Araranguá, realiza no verão e no inverno, a “Busca Ativa”. Uma ação que visa resgatar moradores de rua para que recebam no Centro: roupas, banho, entre outros benefícios como documentação.

Segundo a coordenadora do CREAS, Vilma Okamoto, no inverno as rondas são intensificadas. “Quando localizadas estas pessoas podem ser encaminhadas tanto para o Albergue São Marcos, quanto para a Casa de Passagem do Oleiro onde eles podem passar a noite”, explica Vilma.

Policiais Militares e taxistas auxiliam as equipes nas noites, indicando onde há pessoas em situação de risco. A linha de atuação das equipes é em todo o município.

Vilma esclarece que com o fechamento do Centro Pop diminuiu bastante o número de moradores de rua. “Antes havia uma média de vinte e dois moradores de rua em Araranguá, além de pessoas de outras cidades. No último fim de semana apenas três pessoas foram atendidas, receberam o que necessitavam e prosseguiram em viagem”, explicou.

No Albergue São Marcos são dispostos dez leitos. O horário do albergue é das 19h às 7h da manhã.

Mais informações no CREAS através do fone: 3903-1884.

Fonte: Assessoria de Imprensa