O Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Araranguá (SAMAE) promove atividades na Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho (SIPAT). As atividades tiveram início nesta segunda-feira, dia 1º, e seguem até hoje, dia 3. O cronograma segue na próxima semana – dias 11 e 12. As palestras acontecem no auditório do SAMAE em dois horários para abranger todos os funcionários da autarquia, das 11h às 13h, e das 17h às 19h.

O principal objetivo do SAMAE em realizar essa ação, é promover o conhecimento e conscientizar os funcionários sobre a prevenção de acidentes, saúde e segurança no local de trabalho.

Para o diretor Geral do SAMAE, José Hilson Sasso, as atividades que serão desenvolvidas nestes dias é importante tanto para empresa quanto para seus servidores. Sasso salienta que na sua gestão – desde 2017 – nenhum acidente de trabalho foi registrado. “A autarquia está sempre investindo em bons equipamentos e orientando seus servidores. Contudo, achamos necessário incluirmos no nosso calendário de atividades uma semana de prevenções, pois dessa forma estamos orientando e valorizando nossos colaboradores”, disse.

A ideia do SAMAE é instigar os servidores a criarem a CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes). A CIPA é composta de representantes do empregador e dos empregados e visa a prevenção de acidentes e doenças decorrentes do trabalho, de modo a tornar compatível permanentemente o trabalho com a preservação da vida e a promoção da saúde do trabalhador.

O presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Araranguá, Fernando Espíndula, participou da abertura do evento e parabenizou o SAMAE pela iniciativa. “O resultado destas ações colocadas em prática beneficiam tanto o funcionário quanto a empresa, pois um funcionário que trabalha dentro das normas de segurança tem mais qualidade de vida e consequentemente desenvolve um trabalho de qualidade para a população”, citou. Fernando salientou que a prevenção ao trabalho está em alta e que o Sindima vem trabalhando junto a prefeitura para que haja esse comprometimento.

Temas abordados

Ao todo serão cinco dias de atividades (1º, 2 e 3 – 11 e 12 de julho), onde serão abordados diversos temas como: a importância e responsabilidade dos EPIs (Equipamentos de Proteção Individual), práticas seguras, sinalização de obras e levantamento de riscos; álcool e drogas nas relações pessoais e corporativas; doenças sexualmente transmissíveis; a importância vida como propósito e a importância da CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes) nas empresas; e os custos do acidente de trabalho para a vítima e a sociedade.

A empresa responsável pela Semana da Segurança do Trabalho é a Projesul de Araranguá e a abertura foi realizada pelo responsável técnico de segurança do trabalho, Anderson Silva.

Fonte: Assessoria de Imprensa