A nomeação de Fabrício dos Santos Segundo, sobrinho do vereador Jorge Luiz Pereira, como diretor da Indústria e Comércio da prefeitura de Araranguá continua gerando polêmica. Após a nota de esclarecimento da ACIVA, afirmando que não haveria vínculo algum com a indicação, foi a vez da Câmara de DIrigentes Lojistas se manifestar sobre o assunto.

Em nota enviada à imprensa, a CDL manifesta publicamente sua tristeza e indignação à nomeação do novo diretor. Leia na íntegra:

"A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Araranguá, participante do COMITÊ DAS ENTIDADES DE ARARANGUÁ, que tem como propósito a resolução para as demandas político-sociais e de desenvolvimento de Araranguá e região, crê na necessidade indiscutível de eficiências também das ações públicas da INDÚSTRIA E COMÉRCIO.

Fundamentada nesta realidade, é com tristeza e indignação que a diretoria desta entidade toma conhecimento, através da imprensa, da nomeação do Diretor da Indústria e Comércio da Administração Municipal. Mesmo sabendo que é nomeação de confiança do senhor Prefeito Municipal, adiretoria da CDL considera que com o ato, a administração municipal perde a oportunidade de ratificar sua consideração pelas entidades representantes da Indústria e Comércio de nossa cidade.

Estas mesmas entidades, que participam ativamente das ações em busca da melhoria e crescimento das atividades, nunca se negaram a participar e compartilhar ações específicas do poder municipal. Repetimos, é com indignação e tristeza que vemos a nomeação de um diretor, respeitando o seu direito de cidadão, sem qualquer participação junto a estas entidades, e sem, principalmente, comprovação de conhecimento técnico e profissional que venham a contribuir na melhoria da atividade proposta. Só temos a lamentar e afirmar, com certeza, que é uma atitude que pode comprometer o até então bom relacionamento do Paço Municipal com as entidades".

Fonte: Assessoria de Imprensa