A Secretaria de Assistência Social e Habitação, realizou na tarde desta quinta-feira, 14, no Centro Comunitário da Vila São José, a primeira reunião do ano, com as voluntárias dos Clubes de Mães. No total foram mais de 80 mulheres recepcionadas pela coordenadora, Soir Goularte e a secretária da pasta, Alice Aguiar.

Após as boas vindas, a coordenadora do CREAS (Centro de Referência de Assistência Social) Vilma Okamoto e as psicólogas, Fernanda e Marianie, ministraram sobre o significado do Dia Internacional da Mulher e a representatividade da data nos dias de hoje.

Na sequência foram apresentadas as novas ações para os grupos. Neste ano serão trabalhados dois projetos. O primeiro será: “A Nona Também Fazia”, com o tema Araranguá. A história da cidade será mostrada em bordados, retratando: paisagens, pessoas, pontos históricos, entre outros.

O segundo projeto vai trabalhar a reciclagem com o jeans. “Aquele jeans que você não usa mais, terá utilidade e será transformado em peças lindas e maravilhosas que posteriormente serão apresentados nas nossas exposições”, explicou Soir Goularte, coordenadora dos Clubes.

Leandro Batista de Melo Silveira, da empresa La Lua, que trabalha com projetos de inclusão produtiva e setoriais, trabalhará em parceria com a secretaria. “Vamos desenvolver a ação social ‘Paninho Amigo’, que vai trabalhar com a arte de bordar, pintar, reciclar e fazer profundas transformações na sociedade”, explicou.

O projeto segue até o mês de setembro. Cada mãe receberá um kit com agulhas, tecidos e manuais passo a passo. Cada grupo terá uma pessoa multiplicadora, que receberá capacitação com treinamento. No final cada grupo devolverá um kit com cinco paninhos confeccionados, que será doado para uma entidade assistencial.

A secretária Alice destacou o início das atividades. “Estamos oferecendo uma oportunidade de aprendizagem através do bordado. Eu vejo o projeto de uma forma muito bonita, positiva e cultural”, destacou.

Fonte: Assessoria de Imprensa