Araranguá ganha com mais uma parceria. O acordo oficializado na última semana entre a Secretaria de Educação Esporte e Cultura e o projeto Plant For The Planet Araranguá, pretende cooperar para uma maior consciência ambiental no município - principalmente nas escolas, onde estão os futuros responsáveis pelo bem-estar do planeta.

O coordenador do projeto, Lutz Michaels, revela que ao ter conhecimento da iniciativa "Rede de Sustentabilidade" - aprovado pela Câmara de Vereadores em 2017 - entrou em contato com o vereador Jair Anastácio que foi o autor da proposição. Juntas, as instituições atuarão em seis escolas de Araranguá: João Matias, Otávio Manoel Anastácio, Almerindo Manoel da Luz, Nova Divineia, Castro Alves e Murialdo.

O projeto nasceu com a intenção de conscientizar os alunos sobre os impactos das mudanças climáticas e dar o incentivo à formação das crianças como líderes nas ações locais para plantio de árvores, explica Lutz Michaels. "O objetivo desse evento é o empoderamento ambiental das crianças entre oito e 14 anos. Fazendo o mundo melhor para plantar árvores, e para que possam disseminar o conhecimento futuramente", afirma.

O projeto Planet for The Planet Araranguá é abraçado pelos alunos da UFSC e já promoveu outras ações no município, além de realizar atividades no colégio Maria Garcia Pessi, CAIC e no Grupo de Escoteiros, agora trazem o projeto CineSolar da Samsung, que ocorre na próxima segunda-feira, 7, na praça Hercílio luz.

Neste mesmo dia, ocorre a entrega dos certificados de participação para os alunos que assistirem a palestra. A entrega será feita pelo vereador Jair Anastácio, que é o embaixador do projeto. “Um dos focos de meu trabalho é a sustentabilidade, por isso, é uma honra participar de ações como esta”, finaliza.