O principal assunto do final de semana tem sido o fechamento do Pronto Socorro do Hospital Regional de Araranguá. A informação que foi repassada pela assessoria de imprensa da atual administradora do Hospital, SPDM, pegou não apenas a população de surpresa, mas também o governo do Estado.

No início da tarde deste sábado, o secretário Estadual de Saúde, Vicente Caropreso entrou em contato com a gerente Regional de Saúde da ADR de Araranguá, Patrícia Paladini, informando que o governo entrará com uma liminar solicitando a continuidade dos serviços de Emergência no HRA.

Além disso, uma equipe composta por médicos , advogados e enfermeiras serão enviados para acompanhar in loco a prestação dos serviços e cumprimento de metas conforme contrato 01/2013.

"A Secretaria deve, ainda, contratar em caráter de urgência, uma entidade com habilitação e qualidade técnica para assumir as atividades do Hospital.

O Ministério Público local estará ainda no dia de hoje, sábado, 25, sendo informado de todas as ações para evitar este encerramento de atividades no Hospital Regional de Araranguá", informou Patrícia Paladini.

O fechamento do PS do Hospital Regional será debatido também por todos os prefeitos da AMESC, que já tem reunião agendada para i primeiro horário da manhã da próxima segunda-feira, 27.