Com a evolução da tecnologia, os livros físicos têm uma nova missão além de informar e entreter o leitor. O novo desafio é competir com a internet e os chamados livros onlines, disponíveis nas mais diversas plataformas.

Por este motivo, a Biblioteca Municipal Luiz Delfino, de Araranguá, antes utilizada como espaço de pesquisa estudantil, passou a ser um local de realização de trabalhos e não apenas de procura por livros para a fundamentação de pesquisas.

Implantada no ano de 1943, o espaço conta com mais de oito mil exemplares e inúmeros autores. De acordo com a Bibliotecária, Fabiana Daniel, que atua há 14 anos na função, mesmo com toda a evolução tecnológica, muitas pessoas visitam o local. “Diariamente cerca de 15 pessoas passam pela biblioteca. Hoje o nosso público são as pessoas que tem o hábito da leitura, ou aqueles que estão em fase de estudo para concurso público. Além destes, os que buscam livros relacionados a história da cidade”.

Segundo Fabiana, a biblioteca tem um acervo composto por bons livros de ficção, literatura infantil e infanto-juvenil e ainda existe uma busca expressiva por livros. “Todos os meses mais de 300 livros saem da biblioteca para a casa dos Araranguaenses. A nossa realidade é muito diferente, há muitas pessoas que não tem acesso à internet e acabam buscando o livro físico”, relata.

Gabriela Teixeira, de 11 anos, durante a elaboração desta matéria estava realizando um trabalho de escola com algumas colegas e comentou que é uma frequentadora assídua da biblioteca. “Estou sempre que posso buscando livros para ler, os de ficção são os meus preferidos. Quando tenho algum trabalho na escola venho até a biblioteca, pois aqui é um lugar silencioso e consigo me concentrar melhor”, ressalta.

CARTEIRINHA DA BIBLIOTECA

Qualquer pessoa, de qualquer idade, estudante ou não, pode buscar algum livro, mas é preciso que faça uma carteirinha de leitor. Para isso, deve-se levar o documento oficial de identificação e um comprovante de residência, em horário de expediente, de segunda a sexta-feira, das 08h às 12h e das 13h30 às 17h30.