Bolos, salgados, biscoitos e outras guloseimas foram saboreadas pela comunidade ao som de muita música. Sábado, 15, foi dia de Café Cultural da Casa da Fraternidade.

O evento ocorreu à tarde, na sede da instituição, no bairro Lagoão, e arrecadou recursos para manutenção dos trabalhos da instituição. A realização contou com o empenho de empresários, comércio e outros apoiadores com a doação de alimentos servidos no café.

Algumas das apresentações artísticas realizadas foram o Grupo Juvenil Vozes do Amanhã, Grupo de Jovens Espíritas, alunos das oficinas de capoeira, musicalização e balé, da Casa da Fraternidade, e o Coral Espírita Maestro Valdenir Zanette.

Também puderam ser conferidos pelo público as pinturas realizadas por alunos da Casa e artesanato feito pelas integrantes do projeto Mulheres Solidárias Renascer.



Sobre a entidade

A Instituição Espírita Casa da Fraternidade, fundada em 1987, oferece apoio sociofamiliar e educacional, estimula a promoção da cultura e esporte com realização de oficinas, e realiza eventos de integração envolvendo a comunidade.

A Casa promove, por meio do Ponto de Cultura – Juventude Luzes do Amanhã, oficinas de canto coral, musicalização, balé, violão, informática, reforço, artesanato e arte visuais para 300 crianças. Também há atividades para jovens, como cursos de secretariado, foto e vídeo, além do grupo de valores humanos.

Hoje a instituição possui 17 projetos em andamento, mas os recursos que são destinados para essas iniciativas não cobrem todos os gastos. E as despesas com a manutenção da entidade estão entre as principais da Casa. Gastos com telefone, energia elétrica, água e transporte são frequentes e consomem muito dos recursos financeiros da entidade.

A Casa funciona de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 h, sem fechar ao meio-dia. A instituição fica na Rua Pedro Gomes, número 740, próximo ao posto de saúde do bairro.

Mais informações pelos telefone (48) 3527-0214, pelo site www.acasadafraternidade.org.br e Facebook: https://www.facebook.com/acasadafraternidade/.

Fonte: Texto e fotos: Vanessa Irizaga/Assessoria de imprensa voluntária.